dolixoaoluxomesadecozinha

Tens uma mesa de cozinha que gostarias de pintar? Deixo-te um passo a passo de como poderás fazê-lo! 

Por vezes, temos cá por casa aquele móvel/peça que não estando nova, também não está velha de todo e pode ser recuperada.  Ou então, temos uma nova decoração e a peça deixou de conjugar! No meu caso, tinha ambas as situações! A mesa da cozinha deixou de combinar com as cadeiras (que finalmente são novas) e a mesma, não sendo nova, também não estava irrecuperável para ir para o lixo. 

Portanto, pensei mãos à obra e vamos lá dar-lhe uma nova cara, mais moderna, mais condizente com a nova decoração! 

Ajuda muito ter a bricolage como uma terapia para a alma, pois fazemos tudo com calma, dedicação e amoresqueço tudo quando estou neste processo de criação e de transformação

Também são assim? 

Bom, mas vamos para o passo a passo!  

renovar-mesa-da-cozinha
Crédito: David Cantelli

Passo 1

Limpar a superfície a pintar;

Passo 2

Lixar a superfície a pintar, caso tenha tinta antiga levantada. Eu não lixei os pés da minha mesa de cozinha, porque a pintura antiga, de forma geral, estava boa! Só apliquei o primário próprio para ferrugem nos sítios necessitados.  

Apontamento: Não se esqueçam de proteger a zona onde irão pintar, sobretudo se viverem em condomínios ou em espaços comuns a todos em que  não devemos sujar ou estragar! Uma cobertura em plástico ou papel deverá ser usada para proteger o espaço onde vamos pintar! 

pintar-mesa-de-cozinha

Passo 3

♦ Aplicar um primário, tipo ” Hammerite direto à ferrugem“, para proteger a pintura das agressões do dia a dia e impedir a evolução da ferrugem. Deixar secar, respeitando os tempos mencionados em cada marca. Estamos a falar de uma peça de metal, ou seja, dos pés da mesa, e estes tinham alguma ferrugem (pouca) mais abaixo, onde a limpeza com esfregona chega. 

primário para ferrugem
Passo 4

Iniciar a pintura com a cor desejada (eu escolhi branco da marca Luxens para condizer com as cadeiras), em local não ventoso, sobretudo, se forem pintar com tinta em Spray. No dia em que dei a 1ª demão estava vento e foi um caus… o vento levava a tinta e quando pára, o jacto de tinta fica acumulado, portanto, fujam do vento para pintar! 

Dica extra: No caso de tinta em spray, não pressionem o jacto de forma constante. Vão dando pequenos jactos, com movimentos de vai e vem, cobrindo cerca de 50cm, por exemplo, de cada vez. O jacto constante (estar a pressionar constantemente o botão de jacto) não nos dá a percepção dos sítios onde já chega de tinta e de onde ainda falta tinta. Além disso, pressionar de forma constante, cansa muito mais, logo, vamos perdendo a força...e a pintura começa a ficar uma treta! Não queremos isso, certo!?

Passo 5
pintura mesa da cozinha demao

♦ Depois de secar a 1ª demão, verificar se é necessário passar lixa em alguma zona que tenha acumulado tinta ou precise de ser retificada. Eu passei lixa em algumas zonas (que acumulou um pouco de tinta) onde senti que ficariam melhores se fossem ligeiramente lixadas. 

Posto isto, dar a 2ª demão, caso seja necessário! Eu dou sempre uma segunda demão para aperfeiçoar! Deixar secar e voilá…uma mesa de cozinha nova ou quase nova, porque esta ainda tem mais um Diy! Cenas dos próximos capítulos! 

E vocês? O que andam a pintar/criar? Partilhem nos comentários! 

antes da transformacao
depois da transformaçao

Resultado (gostei assim, mas sofrerá outra alteração- próximo diy)!

resultado-da-pintura-mesa-cozinha